Se tem um culpado na greve dos Servidores de Itapecerica da Serra é o próprio prefeito Nakano

Infelizmente, o funcionalismo de Itapecerica da Serra está em uma situação muito delicada. Nossa Campanha Salarial não avança porque a Prefeitura não negocia com seriedade. Os Servidores permanecem com os salários arrochados, mas a batalha continua. São dois anos sem reajuste. É necessário uma valorização efetiva da categoria e FALTA VONTADE POLÍTICA por parte da Administração. Nas negociações realizadas até aqui não tem bom-senso, não existem propostas, os números são omitidos e assim vemos um amadorismo latente e triste.

A greve em andamento não é culpa do Sindicato. Nós não prejudicamos o povo como o prefeito Francisco Nakano nos acusou na reunião. Se tem um responsável pela paralisação é o próprio Nakano que, em nenhum momento, parou para negociar de fato conosco e muito menos apresentou algo de concreto. Em contrapartida, o SFPMIS trouxe várias alternativas ao Executivo e todas elas rechaçadas, esquecidas e não apreciadas.

HORA DA VERDADE

Acredito na nossa cidade. Temos condições de crescer muito mais nos próximos anos. É a nossa função (da geração atual) permitir as gerações futuras acesso a um legado honroso. E aceitar apenas 3% de reajuste salarial sem sequer lutar, NÃO PODE FAZER PARTE DISSO. As perdas inflacionárias são de mais de 18%. O IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano), por exemplo, é um indicador importante. Os vencimentos dos trabalhadores sequer se aproximam do aumento praticado neste caso. E por que isso? Até agora não temos resposta.

Jogaram “na nossa cara” que o Servidor estava feliz com 3% e nós estávamos atrapalhando a categoria e os munícipes com a greve. Se querem provas, assim está sendo feito. Iniciamos em 17 de maio uma coleta de votos dos trabalhadores em todos os locais de trabalho. Vamos saber se a categoria aceita ou não os 3% oferecidos pela Prefeitura.

EXIGIMOS DIGNIDADE

Temos sonhos. Queremos ampliar nossos estudos, sair e almoçar fora com a família, viajar para fora do País em busca de experiências, conhecimentos e ajudar a fazer desta cidade uma das principais do Brasil. E tais expectativas estão distantes, pois se até garantir comida na mesa está difícil – nosso vale-alimentação é um dos menores da região (R$ 170) – quem dirá voos mais altos. Mas nem por isso desistimos!

O SFPMIS, um dos maiores Sindicatos do Estado de São Paulo, tem como função básica defender os interesses do trabalhador na sua relação com o patrão. E se há intransigência por parte do administrador nós vamos intervir. Liderar um Sindicato do tamanho do nosso não é uma simples missão. Desde 2021, conto com um grupo renovado de diretores. Atuamos com dedicação e competência na condução do anseio do Servidor. 

Por isso, companheiros, a nossa luta continua. Seguimos em frente, apesar do sentimento de tristeza por uma gestão que diz valorizar o Servidor da boca para fora, mas em suas ações deixa a desejar. O MOMENTO EXIGE UNIÃO E A LUTA CONTINUA!

ADALBERTO FÉLIX É PRESIDENTE DO SFPMIS
(Sindicato dos Funcionários Públicos Municipais de Itapecerica da Serra)

CLIQUE AQUI E LEIA O EDITORIAL ANTERIOR

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *